Liceu

DISCIPLINAS

Teoria e História da Informação
Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação – IBICT / UFRJ
com Prof. Dr. Marco Schneider

Indicação bibliográfica estrutural:

ARISTÓTELES. Poética. Porto Alegre: Editora Globo, 1966.
GONZÁLEZ DE GÓMEZ, M. N. A Representação do conhecimento e o conhecimento da representação: algumas questões epistemológicas. Ci Inf., Brasília, DF, v. 22, n. 3, p. 217-222, set./dez. 1993.
MARX, Karl. Capítulo VI Inédito de O Capital. Resultados do processo de produção imediata. São Paulo: Moraes, 1985.
MATTELART, Armand. Estudiar comportamentos, consumos, hábitos y prácticas culturales. In: ALBORNOZ, Luis A. (org.) Poder, médios, cultura. Uma mirada crítica desde la economia política de la comunicación. Buenos Aires: Paidós, 2011, p. 157-176.
PLATÃO. Fedro ou Da Beleza. Liboa: Guimarães Editores, 2000.

Fundamentos e perspectivas da Biblioteconomia
Programa de Pós-Graduação em Biblioteconomia – Unirio

ARISTÓTELES. Poética. Porto Alegre: Editora Globo, 1966.
ARISTÓTELES. Rhétorique. Paris: Gallimard, 1991.
AUROUX, S. A Filosofia da linguagem. Campinas: Unicamp, 1998.
BARATIN, Marc; JACOB, Christian. O poder das bibliotecas: a memória dos livros no ocidente. Rio de Janeiro: Ed. da UFRJ, 2000.
BUCKLAND, M. K. Information as thing. Journal of the American Society of Information Science, v. 42, n. 5, p. 351-360, jun. 1991.
CAPURRO, R. What is Information Science for? a philosophical reflection In: VAKKARI, P.; CRONIN, B. (Ed.). Conceptions of Library and Information Science; historical, empirical and theoretical perspectives. In: INTERNATIONAL CONFERENCE FOR THE CELEBRATION OF 20TH ANNIVERSARY OF THE DEPARTMENT OF INFORMATION STUDIES, UNIVERSITY OF TAMPERE, FINLAND.1991. Proceedings… London, Los Angeles: TaylorGraham,1992. p. 82-96.
DAY, Ronald. The Modern invention of information: discourse, history and power. Illinois: Southern Illinois University Press, 2001.
GONZÁLEZ DE GÓMEZ, M. N. Dos estudos Sociais da Informação aos Estudos do Social desde o ponto de vista da Informação. In: AQUINO, Miriam de Alburquerque (Org.). O Campo da Ciência da Informação: Gênese, conexões e especificidades. João Pessoa: Editora UFPB, 2002. p. 25-47.
JOSEPH, M. O Trivium: as artes liberais da lógica, gramática e retórica: entendendo a natureza e a função da linguagem. São Paulo: É Realizações, 2008.
MOSTAFA, Solange P. A produção de conhecimento em Biblioteconomia. R. Bibliotec. Brasília, v. 11, n. 2, p. 221-229, jul./dez. 1983.
OTLET, Paul. Traité de documentation: le livre sur le livre: théorie et pratique. Bruxelas: Editiones Mundaneum, 1934.
PLATÃO. Diálogos: Protágoras, Górgias, Fedão. 2.ed. revis. Belém: Editora Universitária UFPA, 2002.
PLATÃO. Fedro ou Da Beleza. Liboa: Guimarães Editores, 2000.
RANGANATHAN, Shiyali Ramamrita. As cinco leis da Biblioteconomia. Brasília: Briquet de Lemos, 2009.
RENDÓN ROJAS, M.A. Bases teóricas y filosóficas de la bibliotecología. 2. ed. México: UNAM, 2005.

Fundamentos da Biblioteconomia
Bacharelado em Biblioteconomia – UNIRIO

Indicação bibliográfica estrutural:

BARATIN, Marc; JACOB, Christian. O poder das bibliotecas: a memória dos livros no ocidente. Rio de Janeiro: Ed. da UFRJ, 2000.
GONZÁLEZ DE GÓMEZ. Para uma reflexão epistemológica acerca da Ciência da Informação. Perspectivas em Ciência da Inf., Belo Horizonte, v. 6, n. 1, p. 5-18, jan./jun. 2001.
MOSTAFA, Solange P.; LIMA, Ademir B. A. de.; MURGUIA MARANON, E. I. Paradigmas teóricos da Biblioteconomia e Ciência da Informação. Ciência da Informação, Brasília, v. 21, n. 3, p. 216-222, set./dez. 1992.
OTLET, P. Traité de documenatation: le livre sur le livre: théorie et pratique. Bruxelas: Editiones Mundaneum, 1934.
PEIGNOT, G. Dictionnaire raisonné de bibliologie, tomo I. Paris: Chez Villier, 1802a.
______. Dictionnaire raisonné de bibliologie, tomo II. Paris: Chez Villier, 1802b.
OTLET, Paul. El tratado de documentación: el libro sobre el livro; teoria e prática. Madrid: Universidad de Murcia, 1934.
RANGANATHAN, Shiyali Ramamrita. As cinco leis da Biblioteconomia. Brasília: Briquet de Lemos, 2009.
SERRAI, Alfredo. História da biblioteca como evolução de uma idéia e de um sistema. R. Esc. Bibliotecon. UFMG, Belo Horizonte, v. 4, n. 2, p. 141-161, set. 1975.

Filosofia da Biblioteconomia
Bacharelado em Biblioteconomia – UNIRIO

Biblioteconomia comparada e internacional
Bacharelado em Biblioteconomia – UNIRIO

Advertisements

One thought on “Liceu

  1. Your site’s graphics looks nasty. You schould change it.
    Better graphics means more conversions, faster load and greater confidence
    of visitors. This is something that can be useful for you, type in google:
    Juicklor’s templates source

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s